quinta-feira, 16 de julho de 2015

Certas coisas não se explicam.

Certas coisas não se explicam.
Não existem palavras que as descrevam 
ou soluções que as resolva. 
Sentimentos, gestos, sonhos e sorrisos.
A alma entende e a boca cala.
Fernanda Mello