sábado, 29 de agosto de 2015

Tão bom morrer de amor....


Tão bom morrer de amor! e continuar vivendo...
Mario Quintana