segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Às vezes...

Às vezes
olho pro meu
marido e penso...
Meu Deus,
que cara
de sorte!