Um barco sem mar

Eu sem você sou só desamor. 
Um barco sem mar, 
um campo sem flor. 
Tristeza que vai, 
tristeza que vem. 
Sem você, meu amor, 
eu não sou ninguém.
Vinícius de Moraes