CORAÇÃO DE POETA

Nas palavras do poeta...
Minha alma se envolvia...
Cada ponto...
Cada virgula...
Me descrevia...
Pura magia...
Eu era menina... 
E em tuas doces palavras eu me via...
E ao longo do tempo essa menina crescia...
Transformando-se em uma linda mulher...
Que deixou de ser verso e tornou-se poesia...
Coração de poeta não canta poemas...
Coração de poeta recita as mais 
belas palavras de amor...
E o seu coração ele conquistou...
Ontem uma menina...
Que admirava cada verso...
Hoje uma mulher apaixonada 
por cada poema...
Coração de poeta é fraco... 
Acabou entregando-se aos 
encantos dessa mulher...
E do teu corpo fez poema...
Lendo e relendo cada curva...
E como um beijo...
Terminou esse poema com um ponto final.
E em meu coração só saudades deixou.
Autor: Marcelo Rondoni
© Direitos reservados
conforme artigo (Lei 9.610/98)