O SUSSURRAR DO AMOR

À beira da noite...
Caminho em teu corpo...
Com passos molhados...
Despejo meu rio no teu cálice...
Venha para perto...
Que lhe darei um trago...
Deste vinho que tenho guardado...
Das mais deliciosas uvas de inverno...
Venha para perto...
Para que eu derrame gotas do meu perfume
Por todo teu corpo...
Deixando sua pele macia e perfumada...
Na nudez deste nosso silêncio...
Deite-se na cama...
Sinta meu desejo...
Nos toque ousados feito pelos meus dedos...
Venha para perto...
Deixe-me veleja-la sem bússola...
Apenas pelos meus sentidos...
Me olhando fixamente como quem pede lua…
Venha para perto...
Deixe-me sussurrar em teu ouvido...
Como folhas ao vento...
Soprando minhas pétalas...
Deixando teu corpo macio...
Venha para perto...
Esquece o tempo...
E deixe-me toca-la...
Pelas curvas do teu corpo... 
Feito música aos meus sentidos...
Venha para perto...
Ser minha mulher...
Ser minha amada...
Venha para perto...
Ser meu amor eterno...
Para que eu possa sussurrar...
O amor com meus lábios...
Em cada milímetro... 
Deste paraíso que é teu corpo.
Autoria: Marcelo Rondoni
© COPYRIGHT BY "SENTIMENTO EM POESIAS"
Todos os Direitos Reservados
conforme artigo (Lei 9610/98)
Cópias e publicações permitidas, 
desde que acompanhadas 
dos créditos ao autor.