POEMA INFINITO

Sinto teus beijos envolvendo meus lábios...
Com esse sabor infinito de quero mais...
Inspiração que faz meu coração sonhar...
Perto ou distante eu sei que preciso te amar...
Tão singela é tua formosura... 
Que de tão bela me faz recitar...
Os meus versos de amor...
E mesmo distante meu corpo 
estremece ao sonhar com você...
Ao querer as curvas sinuosas deste 
poema infinito que é você...
Caminhando por estradas desconhecidas...
Desvendando o mais íntimo dos teus segredos...
Saboreando o mel do teu amor...
Você sabe que estou aqui...
Estou sim!
Amor como o nosso...
Nunca terá fim!
Autor: Marcelo Rondoni
© COPYRIGHT BY "SENTIMENTO EM POESIAS"
Todos os Direitos Reservados
conforme artigo (Lei 9610/98)
Cópias e publicações permitidas, 
desde que acompanhadas 
dos créditos ao autor