NOITE DE OUTONO

E foi assim que tudo começou...
Como um poema a ser descrito...
Com toda força...
Com os desejos a flor da pele...
Com tesão além dos limites...
Esquecemos de tudo a nossa volta...
Então você se fez forte...
Senti minha fome aumentar...
Minha sede de sentir você...
Senti o gosto do seu desejo...
Teus gemidos ecoavam 
pelos quatro cantos...
E acariciando teu corpo 
descendo suavemente as mãos...
Fazendo teu corpo estremecer...
Sinto tua carne...
Sinto tuas pernas trêmulas...
E olhando em teus olhos como num espelho...
E o que vejo é fogo...
Pois a maioria das pessoas não se olham...
Não conhecem seu corpo como eu...
E apenas eu sei o que desejas...
Apenas eu sei dos prazeres que necessita...
E nesta noite de outono...
Nossos corpos interligados...
Realizam desejos entre o amor e o prazer...
Realizam os sonhos mais íntimos...
De uma mulher que nasceu para ser amada...
De uma mulher que nasceu para ser realizada...
E nessa noite se fez completa por ser minha amada.
Autor: Marcelo Rondoni
© COPYRIGHT BY "SENTIMENTO EM POESIAS"
Todos os Direitos Reservados
conforme artigo (Lei 9610/98)
Cópias e publicações permitidas,
desde que acompanhadas
dos créditos ao autor