Preso à tua alma

Imenso é o amor meu por você...
Tão imenso que não suporto... 
Dentro de mim tal sentimento...
E liberto de minha alma. 
Liberto das angustias... 
Dos males e falsidades cotidianas. 
Viver esse amor dia após dia...
Mês após mês... 
Seguindo teus passos... 
Preso à tua alma...
Você é a resposta...
A reposta à todos os porquês em minha vida... 
E no fim a afirmação... 
De que nem tudo passa... 
Pois o teu amor em mim ficou...
Lembro-me como se fosse hoje...
Você dizendo “vem comigo”, eu fui. 
Para mim o teu amor sempre foi minha esperança...
Meu sonho realizado. 
E como num passe de mágica... 
Desapareceu... 
Acabou... 
Como tudo que nasce deve morrer... 
E o fim chegou... 
E hoje eu só lembro de nossas promessas...
Até que a morte nos una para sempre... 
Nesse amor imortal que cultivo dentro de mim.
Autor: Marcelo Rondoni
© COPYRIGHT BY "SENTIMENTO EM POESIAS"
Todos os Direitos Reservados
conforme artigo (Lei 9610/98)
Cópias e publicações permitidas, 
desde que acompanhadas 
dos créditos ao autor