O BEIJO DA ALMA

Uma noite em que tudo parecia ser igual...
Uma noite onde os sonhos seriam os mesmos...
Uma noite em que nada poderia me surpreender...
Quando de repente...
Você surgiu do nada, me surpreendendo...
Sem que houvesse reação eu me entreguei...
Ah!
Como o universo é magnifico...
As palavras eram meras formalidades...
Os olhares eram virtuosamente retribuídos...
Uma forma de tornar tudo mais verdadeiro...
O Abraço que sentimos, terno e carinhoso...
E o que faltou, ficou para um outro dia...
O sorriso e as risadas tornaram 
a noite um lindo dia...
Não se fala de amor e poesia...
Mas da poesia nesse amor...
O que consome... 
E o que deseja... 
Ah!
Nossos desejos eram 
literalmente a flor da pele...
Algo quente... 
Como um vulcão em erupção...
Sonhos podem ser reais...
Sonhos podem e serão realizados...
Só quem tem a luz dentro de 
si mesmo pode encontrar 
e realizar teu sonho...
Só quem vive uma busca pode 
encontra-la inesperadamente...
Assim como num beijo...
Que envolve e seduz...
Um beijo ardente que consome o corpo...
Um beijo terno que nos conforta com carinho...
Um beijo de paixão que nos faz 
momentaneamente felizes...
E há beijos que só a alma sente...
E todos estes beijos eu desejei com você...
Mas esse beijo que você está 
recebendo agora é o mais doce 
e maravilhoso beijo que um 
homem pode dar a uma mulher...
O beijo da alma.
Autor: Marcelo Rondoni
© COPYRIGHT BY "SENTIMENTO EM POESIAS"
Todos os Direitos Reservados
conforme artigo (Lei 9610/98)
Cópias e publicações permitidas,
desde que acompanhadas
dos créditos ao autor