O QUE PROVOCAS

“Sabes…
O que provocas…
Dentro dos meus pensamentos?
Silêncios…
Que se tocam…
Suavemente…
Numa sede imaginada de nós
Sabes…
O que provocas…
Dentro dos meus sonhos?
Tempestades…
Que Se alinham…
Dentro da pele…
Onde todos os pedaços…
Se juntam...
Revoltos…
Num corpo…
Sabes…
O que provocas…
Dentro dos meus momentos?
Passaste e deixaste…
Tatuado o teu olhar intenso... 
Onde me senti inteira…
E deslumbrada…
Sabes…
O que provocas…
Dentro dos meus desejos?
Uma ferida imensa…
Que desaguou num vazio…
De solidão…
Eu sei!
Dói…
E cala a alma…
Onde sinto que me fui…
Destruindo lentamente…
Num caminho pródigo…
Em lágrimas por entre…
Sorrisos perdidos…
Sabes…
O que provocas…
Dentro de mim?
Vivo sem chão…
À procura da respiração…
Que se alimenta de ti…
E que contigo partiu…
És um sentimento…
Que ainda me assombra…
Sabes…
O que provocas…
Dentro da minha alma?
O início de um Fim!”
Autora:  Paula Ferreira
© COPYRIGHT BY "SENTIMENTO EM POESIAS"
Todos os Direitos Reservados
conforme artigo (Lei 9610/98)
Cópias e publicações permitidas,
desde que acompanhadas
dos créditos ao autor