Sonhos Impossíveis

Sonhar em estar te envolvendo num plano maior,
Num ar sedutor...
Faz com que esses sonhos...
Se fixem em minha mente.
Fazendo-me delirar por desejos inexplicáveis.
Num desses sonhos
Estava jogado em teus braços
E tu fazias de mim o que querias...
Saciando os teus desejos...
Por outro lado... 
Eu acessava o teu corpo
Buscando me achar perdido nas tuas curvas...
Num deslize, estavam nossos corpos grudados... Suados
Permitindo que os fluidos do amor enlaçassem nossas almas
Fazendo-me sussurrar de prazer...
Eu dedilhava o teu corpo
Tu tocavas as minhas costas
Sentia nossas almas se unirem
Nossas mãos tremerem...
Nossos corações batiam acelerados
Os beijos já não eram inocentes
Traduziam pecados...
O desejo que os olhares transmitiam
Eram as súplicas de nossos corpos
Era um sonho
Com punhados de realidade
Onde nossas almas viviam
Tudo o que os nossos corpos
Ainda não podem viver!
Autor: Belmiro Chiappetta
© COPYRIGHT BY "SENTIMENTO EM POESIAS"
Todos os Direitos Reservados
conforme artigo (Lei 9610/98)
Cópias e publicações permitidas,
desde que acompanhadas
dos créditos ao autor